Facebook
Instagram
Youtube
Spotify
Bodog

Brasil: uma máquina imbatível

Os números da seleção brasileira são tão impressionantes quanto sua trajetória quase perfeita nas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo do Catar 2022.

selecao brasileira

A seleção canarinho é a primeira com 31 pontos e está praticamente classificada. Das 11 partidas que jogou, venceu 10 e empatou somente uma. Além disso, é uma das equipes especiais das apostas da Seleção Bodog.

O reinado de Tite na seleção brasileira

Depois de ser eliminados na Copa América Centenário, nos Estados Unidos, por causa da derrota de 1 a 0 para o Peru, Dunga renunciou à direção técnica da seleção. Em 20 de junho de 2016, Tite assumiu o cargo. A estreia oficial de Tite foi no dia 1º de setembro, nas eliminatórias sul-americanas, com vitória de 3 a 0 sobre o Equador.

Tite 1

Tite dirigiu 23 jogos, conquistou 20 vitórias e empatou somente três jogos. Sua equipe marcou 56 gols e sofreu sete. Ele conseguiu 86,9% dos pontos em jogo. Ele registrou as duas maiores sequências de vitórias consecutivas na história da competição: nove vitórias consecutivas entre 2016 e 2017 e dez entre 2017 e 2021.

Com sua 20ª vitória nas eliminatórias, ele é o quinto técnico a conquistar essa marca, e o que precisou de menos partidas para isso: apenas 23 partidas.

Os outros quatro técnicos que conseguiram isso foram:

  • Oscar Washington Tabárez (31)
  • Marcelo Bielsa (27)
  • Néstor Pekerman (21)
  • Hernán Darío Gómez (20)

Número de um candidato a ganhar a Copa do Mundo

A seleção brasileira teve 11 vitórias consecutivas jogando em casa nas eliminatórias. É a maior sequência de vitórias consecutivas em casa na história do torneio.

fan selecao brasileira

O Brasil é a seleção que menos chutes a gol recebeu nessas eliminatórias (80). Dos 25 chutes que recebeu em casa, apenas quatro foram para o gol. Antes do gol que Luis Suárez marcou na derrota do Uruguai em Manaus, o Brasil não recebia gols jogando em casa havia pelo menos 9 partidas, sendo um novo recorde do torneio.

Invicto nas eliminatórias sul-americanas

Além disso, a seleção verde e amarela aumentou sua invencibilidade nas eliminatórias para 28 jogos (22V 6E). É a segunda maior sequência invicta de qualquer equipe na história do torneio, ficando atrás apenas dos 31 do próprio Brasil entre 1954 e 1993 (24V 7E).

Neymar 1

Por outro lado, Neymar sofreu uma lesão há pouco tempo, e muitos afirmam que ele não participará da Copa do Mundo. Vamos aguardar. Os laudos médicos são positivos e falam que o período de recuperação será curto.

Será que o Brasil vencerá todos os seus jogos em casa? A equipe terminará as eliminatórias invicta? Você apostaria que sim? Junte-se às apostas da Seleção Bodog e faça das eliminatórias parte de sua paixão.