Heung-min Son la nueva estrella de Corea del Sur Heung-min Son se tornou a estrela da Coreia do Sul por mérito próprio - Bodog Blog
Facebook
Instagram
Youtube
Bodog

Heung-min Son la nueva estrella de Corea del Sur

Heung-min Son está no futebol europeu há mais de uma década e é uma das maiores estrelas do futebol sul-coreano em toda a sua história.

Heung-min Son
De uma presença extraordinária no Tottenham, ele tentará ser no Catar 2022 a peça que desequilibrará o jogo em uma Coreia do Sul que enfrentará equipes muito fortes em um dos grupos mais difíceis do torneio.
Heung-min Son jugador de futbol
Dados pessoais:

Nome: Heung-min Son
Data de nascimento: 8 de julho de 1992
Local de nascimento: Chuncheon, Coreia do Sul
Idade: 30 anos
Estatura: 184 cm
Peso: 77 kg
Posição em campo: Ponta-esquerda
Equipe: Tottenham Hotspur, Inglaterra
Número da camisa na seleção: 7

Prêmios:

Prêmios: Futebolista Asiático do Ano (2015), Prêmio Puskas (2020), Chuteira de Ouro da Premier League (2022)

Son, um jogador inquestionável no Tottenham Hotspur

Son começou muito jovem sua carreira na Europa. Aos 16 anos, ingressou na academia alemã de Hamburgo, graças a um projeto juvenil da Associação de Futebol da Coreia do Sul.

Depois de participar da Copa do Mundo Sub-17, voltou à seleção alemã, onde estreou em 2010. Durante 3 temporadas, ele disputou 78 partidas, marcou 29 gols e deu 3 assistências.

Heung-min

O seu bom desempenho e, sobretudo, a sua projeção para o futuro o levaram ao Bayer Leverkusen em 2013. A equipe alemã pagou 10 milhões de euros e o manteve em seu elenco por três temporadas. Os números foram semelhantes à sua fase em Hamburgo, embora um pouco melhores: 87 partidas, 29 gols e 11 assistências.

Em 2015, o Tottenham Hotspur pagou 30 milhões pela sua contratação. Desde então, ele pertence ao clube londrino e se destacou por amadurecer muito como jogador, aumentando sua cota de gols e assistências e gerando uma sinergia muito boa com Harry Kane.

Disputou 382 partidas pela equipe inglesa, marcando 131 gols e dando 75 assistências. Na temporada 2021/2022, foi artilheiro da Premier League com 23 gols.

Um detalhe interessante é que Son não sabe o que é ganhar um título em clubes: não conseguiu com Hamburgo, Bayer Leverkusen ou Tottenham Hotspur.

Em relação ao seu estilo de jogo, o sul-coreano se destaca pela impressionante qualidade de finalização e drible. Além disso, ele é muito rápido, pode jogar em toda a zona de ataque e se tornou um excelente jogador de assistência.

Ele cruza muito bem, faz boas jogadas com bola parada e tem grande controle de bola com os pés.Seus pontos fracos são a jogada aérea e a contribuição defensiva. Son se dedica muito ao trabalho ofensivo.

Por outro lado, é importante lembrar que Son cumpriu o serviço militar obrigatório em seu país em 2020, durante a paralisação do futebol devido à pandemia de coronavírus. Essa situação afetou muito o jogador, que anos antes tentou ganhar um título pela seleção que lhe permitisse evitar o alistamento para continuar jogando futebol.

O jogador, aliás, conquistou esse título e foi medalha de ouro nos Jogos Asiáticos de 2018, mas decidiu aproveitar a suspensão do futebol para se alistar. Após um treinamento de 3 semanas, foi premiado com o grito de guerra “vitória certa” devido aos seus resultados, colocando-se no top 5 da sua classe com 157.

Heung-min Son jugador de futbol
Seus pontos fracos são:
  • Contribuição defensiva
  • Jogada aérea
Suas melhores características são:
  • Assistências
  • Finalizações
  • Controle de bola
  • Velocidade
  • Dribles

Seu valor de mercado atual é de 70 milhões de euros, segundo a Transfermarkt.

Son, líder e referência na seleção sul-coreana

O talentoso ponta veste a camisa de seu país há 12 anos. Ele estreou em 2010 e desde então jogou 104 partidas com 33 gols e 17 assistências.

Son está longe de quebrar os recordes de artilheiro e participações da Coreia do Sul, embora possa conseguir por conta da sua qualidade, aptidão excepcional e relevância para o futebol de seu país. As duas menções atualmente pertencem a Cha Bum-kun, que vestiu a camisa coreana 136 vezes e marcou 58 gols.

Son tem duas experiências na Copa do Mundo: Brasil 2014 e Rússia 2018. Ele repetirá a dose no Catar 2022, mas com um nível e forma de desempenho muito mais alto do que nas edições anteriores. Além disso, ele já sabe o que é comemorar um gol em uma Copa do Mundo, já que marcou 3.

Son: a estrela principal da Coreia do Sul no Catar 2022

Son e Coreia do Sul não terão uma disputa fácil no Catar 2022, pois caíram no Grupo H com Portugal, Uruguai e Gana. Esse é provavelmente o grupo mais equilibrado do torneio.

A princípio, tudo parece indicar que os portugueses e uruguaios serão os que seguirão para a próxima fase, mas é um grupo que, sem dúvida, será mais equilibrado do que se imagina.

Heung-min Son

Os europeus têm uma seleção com excelentes expoentes e com Cristiano Ronaldo ainda em atividade apesar dos seus 37 anos ); ao passo que os sul-americanos têm uma das melhores gerações de todos os tempos e procurarão ir o mais longe possível. Nesse último jogo, Son enfrentará seu companheiro de equipe Rodrigo Bentancur, o que será um grande duelo.

Você acha que Son consegue comandar a Coreia do Sul e chegar à próxima rodada no Catar 2022?