Facebook
Instagram
Youtube
Bodog

Akio Kashiwagi, grande jogador de bacará

Se você é um amante dos jogos de bacará online disponíveis no casino do Bodog, você certamente vai estar interessado em ler sobre Akio Kashiwagi, um magnata japonês excêntrico que trouxe este jogo de cartas á popularidade internacional. Embora não fosse um jogador experiente, ele fez história no mundo do jogo por ser muito arriscado, pois estava disposto a jogar entre USD 100.000 e USD 200.000 por mão.
baccarat online

Todos os cassinos de Las Vegas o queriam em suas salas porque o consideravam uma “grande baleia”, ou seja, um jogador determinado a apostar uma fortuna em cada jogo. Ele também era temido por sua alta linha de crédito, o que o levou a ser um jogador ousado. Quer saber mais sobre esse jogador polêmico e misterioso que deu o que falar na opinião pública e na comunidade de apostas dos anos 90? Junte-se a nós!

Quem foi Akio Kashiwagi, o guerreiro do bacará?

Foi um empresário bilionário japonês que nasceu em Tóquio em 1938, mas a data exata é desconhecida, e faleceu tragicamente em 3 de janeiro de 1992 em sua casa. Foi proprietário e diretor da empresa Kashiwagi Shoji Company, com a qual realizou atividades no setor dos negócios imobiliários, além de investir na bolsa de valores.

Nunca se soube exatamente qual era seu patrimônio líquido, mas estima-se que ele chegou a ter uma renda de USD 100 milhões por ano e USD 1 bilhão em ativos. Seus colegas não entendiam como ele havia alcançado tal fortuna e logo foi ligado ao crime organizado japonês. Como Aiko era muito reservado sobre sua atividade, isso sempre foi um mistério para todos.

Ele se tornou um fã do bacará e jogou nos melhores cassinos de Las Vegas, fazendo grandes apostas em longas partidas que podiam durar até 80 horas seguidas. Era conhecido por ser um jogador insaciável, que poda obter enormes lucros, como também apostar enormes somas de dinheiro. Devido à sua atitude perseverante e capacidade de enfrentar riscos sem medo, nas mesas ganhou o apelido de “O Guerreiro”.

Akio Kashiwagi enfrenta seu rival mais poderoso

Em fevereiro de 1990, Donald Trump, que ainda não era presidente dos Estados Unidos, viajou para Tóquio para promover a luta de Mike Tyson contra Buster Douglas. Em uma festa para amigos e parceiros de negócios na noite anterior à luta, Trump encontra Aiko e o convida para visitar o Trump Plaza Casino, localizado em Atlantic City, Nova Jersey, como uma hábil estratégia de marketing

casino trump

O primeiro encontro foi bem sucedido para Akio, que ganhou USD 6 milhões de Trump após dois dias de jogo. O magnata americano, para recuperar seu dinheiro, o convida para um segundo jogo, desta vez, por um tempo mais longo estabelecido por contrato. A estratégia era que o japonês jogasse o maior tempo possível, até que a vantagem fosse para Trump. O plano funcionou e Trump ganhou USD 10 milhões.

Akio Kashiwagi e sua última aposta

Em 3 de janeiro de 1992, Aiko foi encontrado morto em sua casa, com 150 ferimentos causados por uma espada katana. Naquela época, Aiko devia cerca de USD 9 milhões em apostas. Acredita-se que essa dívida tenha sido contraída com a perigosa máfia japonesa chamada Yakuza.

Bacará e apostas: uma vida de recordes

A vida quis que ele fosse o jogador mais famoso da história, com o recorde do maior lucro e da maior perda. Ele foi um dos jogadores mais controversos e famosos do mundo do bacará, por sua forma de apostar e seu ar de mistério. E a coisa mais irônica é que no mesmo ano de sua morte, três dos cassinos de Donald Trump em Atlantic City faliram.

Se depois de ler esta fascinante história sobre um dos jogadores de bacará mais famosos você ficou querendo saber mais sobre este jogo de cartas, lembre-se que existem versões demo em que você pode aprender como jogar bacará e praticar sem necessidade de registro ou depósito prévio.